Sobre INTIC

Quem Somos

O Instituto Nacional de Tecnologias de Informação e Comunicação, abreviadamente designado por INTIC, é uma instituição pública dotada de personalidade jurídica e autonomia administrativa.

Nota de Apresentação

Dra. Dulce Chilundo
Felicitamo-lo por visitar a nossa página porque é espelho de políticas e esforços desenvolvidos pelo Governo nos últimos anos para colocar as tecnologias de informação e comunicação (TICs) ao serviço do povo.

Com efeito, muito cedo o Governo moçambicano ficou sensibilizado com o advento das TICs e desenvolveu várias iniciativas tendentes a criar condições para que o país e os cidadãos pudessem tirar maior proveito destas tecnologias, sendo a página que o caro leitor está visitando e a entidade de quem é pertença um exemplo dessas iniciativas. Nós somos, portanto, uma instituição pública tutelada pelo Ministro da Ciência e Tecnologia, responsável pela coordenação do sector das TICs em Moçambique, visando a melhoria da prestação de serviços públicos e a participação dos cidadãos na governação

Foi neste contexto que em 2002 o Governo aprovou a Política de Informática e a respectiva estratégia de implementação e em 2006 a Estratégia de Governo Electrónico.

Como resultado prático destas estratégias, foram desenhados e implementados vários projectos que tiveram um grande impacto na sociedade, uma vez que técnicos, líderes e dirigentes dos órgãos centrais e locais do Estado foram formados em TICs e melhorou a comunicação intra-governamental e com o cidadão através da GovNet, do Portal do Governo, dos Centros Provinciais de Recursos Digitais (CPRDs), dos Centros Multimédia Comunitários (CMCs), dos Portais dos Governos Provinciais e dos Balcões de Atendimento Único (BAUs). Mais ênfase foi também dada às seguintes áreas de TICs:

Desenvolvimento da capacidade humana em TICs, através dos cursos de formação em TICs, promovidos tanto a nível central como local, nas províncias e nos distritos, através dos Centros Provinciais de Recursos Digitais (CPRDs) e da Unidade Móvel de TICs;
Desenvolvimento da infraestrutura de comunicações através da expansão da GovNet aos distritos;
Desenvolvimento de conteúdos e aplicações através de criação de portais dos governos provinciais e distritais, visando criar condições para o acesso à informação, conhecimento e disponibilização de serviços públicos online, para o desenvolvimento local; e
Desenvolvimento comunitário através da expansão dos Centros Multimédia Comunitários (CMCs), para a difusão das TICs junto das comunidades rurais.
Entre realizações de grande vulto, merecem ainda destaque a elaboração do Plano Nacional de Aumento de Largura de Banga, a preparação da III Fase de implementação da GovNET designada “Rede Electrónica do Governo (GovNet): Serviços Electrónicos nos Distritos”, que neste momento cobre a maioria das instituições centrais do Estado, todos os governos provinciais e algumas autarquias, bem como a elaboração do Quadro de Interoperabilidade do Governo Electrónico. Estes projectos, a par de capacitação e desenvolvimento dos recursos humanos, vão continuar a constituir as principais apostas e prioridades do INTIC nos próximos anos.

A implementação dos projectos foi possivel graças ao apoio e aos recursos disponibilizados pelo Governo, canalizados directamente e/ou através de parceiros nacionais, e aos apoios financeiros de parceiros internacionais de cooperação para o desenvolvimento, dos quais se destacam o Governo Italiano, o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e o Banco Mundial.

A estes parceiros vão as nossas palavras de apreço e reconhecimento, bem como de agradecimento a todos outros que, directa ou indirectamente, igualmente têm dado a sua contribuição para o desenvolvimento da sociedade de informação em Moçambique.